DUBAI REVELA ESTRATÉGIA DE METAVERSO E QUER ATRAIR MAIS DE 1.000 EMPRESAS

O Dubai pretende entrar na lista das 10 maiores economias mundiais no metaverso, e pretende apoiar o setor com a criação de 40.000 empregos virtuais que podem trazer um retorno de 4 mil milhões de euros ao PIB da cidade em cinco anos.

O plano, lançado pelo príncipe herdeiro de Dubai, Sheikh Hamdan bin Mohammed, pretende que o número de empresas de blockchain cresça cinco vezes em cinco anos.

“A estratégia enfatiza a promoção de talentos e o investimento em recursos futuros, fornecendo o suporte necessário na educação sobre o metaverso direcionada para desenvolvedores, criadores de conteúdo e utilizadores de plataformas digitais na comunidade do metaverso”, explica a agência estatal WAM.

O Dubai pretende, assim, criar novos modelos de trabalho em setores vitais, incluindo turismo, educação, retalho, trabalho remoto, saúde e setor jurídico.

Estima-se que, até 2025, o metaverso contribuirá com até 5 biliões de euros para a economia global, o valor de mercado das NFTs deve chegar a 80 mil milhões de euros, e que os gastos do consumidor em compras em jogos devem chegar aos 75 mil milhões de euros.

Para além da aposta no metaverso, o Dubai abre portas a empresas de criptomoedas e fintechs. Empresas como a Binance ou a FTX já receberam licenças para operar na cidade.

 

Subscreva a newsletter AOB
e receba as ultimas notícias a nivel mundial


  

Registo na Ordem dos Advogados sob o n.º 13/04

Av. Engenheiro Duarte Pacheco,
19, 1º andar
1070 - 100 Lisboa

Tel: +351 21 371 33 50

Por defeito, este site usa cookies. Estes cookies destinam-se a optimizar a sua experiência de navegação neste site.